como sobreviver submerso.

Quarta-feira, 29 de Dezembro de 2010
Ensitel
Há milhares de empresas onde, por muitas e idílicas garantias que sejam afixadas em cartazes e folhetos, não se percebem as regras mais elementares do que é respeitar os clientes. No que constitui um verdadeiro vício nacional, os seus responsáveis julgam que as palavras bastam e que nunca será necessário passar aos actos. Merecem por isso, essas empresas e esses responsáveis, todas as consequências. Neste caso, que uma simples reclamação se transforme em movimento de repúdio – pela reacção inicial da empresa e, pior, pelas tácticas utilizadas posteriormente para tentar calar a cliente insatisfeita. Na Ensitel estará muita gente assustada e furiosa com as proporções que o caso vem tomando (alastra cada vez mais por blogues, pelo Facebook, pelo Twitter e até já por jornais e canais televisivos). É bem feito. E o medo compreende-se. Já a fúria só se compreenderia se fosse dirigida contra as próprias decisões. Mas quem chega aos extremos a que os responsáveis da Ensitel chegaram já não consegue fazer mea culpa. Pior para eles.


publicado por José António Abreu às 12:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

dentro do escafandro.
pesquisar
 
Janeiro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


à tona

Ensitel

2 comentários
reservas de oxigénio
Clique na imagem, leia, assine e divulgue
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!
tags

actualidade

antónio costa

blogues

cães e gatos

cinema

crise

das formas e cores

desporto

diário semifictício

divagações

douro

economia

eleições

empresas

europa

ficção

fotografia

fotos

governo

grécia

homens

humor

imagens pelas ruas

literatura

livros

metafísica do ciberespaço

mulheres

música

música recente

notícias

paisagens bucólicas

política

porto

portugal

ps

sócrates

televisão

viagens

vida

vídeos

todas as tags

favoritos

(2) Personagens de Romanc...

O avençado mental

Uma cripta em Praga

Escada rolante, elevador,...

Bisontes

Furgoneta

Trovoadas

A minha paixão por uma se...

Amor e malas de senhora

O orgasmo lírico

condutas submersas
Fazer olhinhos
subscrever feeds